fbpx

Troviscais ao Mira

Etapa do Percurso Circular

11,5 Km

As densas matas de sobreiros, eucaliptos e medronheiros conduzem o caminhante a comungar com as águas tranquilas do rio Mira, numa caminhada ideal para experimentar em apenas meio-dia, a essência do Caminho Histórico da Rota Vicentina.

Troviscais revela o lado mais inóspito e autêntico desta magnífica região costeira, permitindo o contacto com as pessoas do lugar, observar algumas actividades económicas ligadas à terra e ao rio, ter uma vista fantástica sobre o rio Mira e ainda conhecer a fauna e a vegetação típica do mediterrâneo no seu melhor, com habitats tão diversos como o matagal, a floresta de sobreiro ou carvalho-cerquinho, o sapal, o caniçal, a galeria ripícola, os charcos e muitos outros.

É um percurso ideal para os amantes das plantas silvestres ou do birdwathching. O troço de percurso junto ao rio Mira, no Moinho das Moitas, merece uma pausa num sítio discreto, com os binóculos à mão. Perscrutando o rio, o caniçal, os reservatórios de água do antigo moinho e os juncais, pode observar-se grande diversidade de aves, incluindo alguns passeriformes migradores mais raros, como o pisco-de- peito-azul, a felosa-malhada, a felosa unicolor ou a felosa-aquática.

Na várzea e junto ao rio, podem observar-se dejectos de lontra, um dos animais mais fascinantes da mamofauna do Sudoeste. Nas encostas mais secas, onde a árvore dominante é o sobreiro, abundam os arbustos da família das cistáceas (esteva, estevinha e roselha), mas também rosmaninho, zambujeiro ou trovisco. Nas encostas mais húmidas e sombrias, a árvore dominante é o carvalho-cerquinho ou carvalho-português e no estrato arbustivo domina a urze- branca e fantásticos exemplares de medronheiro, de porte quase arbóreo.

Onde começar

Troviscais
Junto ao primeira café quando se chega a Troviscais. Siga pelo caminho de terra em frente, deixando o café nas suas costas.

Ficha Técnica

Grau de Dificuldade: Algo difícil

Extensão: 11,5 km
Duração Aproximada: 4 h

Subida Acumulada: 0 m
Descida Acumulada: 250 m

Altitude Máxima: 120 m
Altitude Mínima: 0 m

Época Aconselhada: Setembro a Junho

Regras e Recomendações

A CIRCULAÇÃO DE VIATURAS MOTORIZADAS COLOCA OS CAMINHANTES EM RISCO.

EVITE FAZER O CAMINHO HISTÓRICO DE MOTO OU JIPE, ESTUDE ALTERNATIVAS

NÃO FAÇA FOGO.

VÁRIAS QUINTAS E REBANHOS SÃO PROTEGIDOS POR CÃES, CIRCULE COM PRECAUÇÃO.

CUIDADO COM O GADO. EMBORA MANSO, NÃO GOSTA DA APROXIMAÇÃO DE ESTRANHOS ÀS SUAS CRIAS.

OS CAMINHOS ATRAVESSAM PROPRIEDADES PRIVADAS, RESPEITE-AS E FECHE SEMPRE PORTÕES E CANCELAS.

FRACO APOIO DE SERVIÇOS TURÍSTICOS AO LONGO DA ETAPA. LEVE SEMPRE ÁGUA E MANTIMENTOS.

EM ALGUMAS SITUAÇÕES TERÁ QUE ATRAVESSAR ESTRADAS ASFALTADAS, TENHA ATENÇÃO.

ENCONTRARÁ VÁRIOS LOCAIS IDEAIS PARA UM PIQUENIQUE, CARREGUE SEMPRE O LIXO CONSIGO.

SEJA AFÁVEL COM OS LOCAIS, APRESENTE O SEU PROPÓSITO E APROVEITE PARA PARTILHAR EXPERIÊNCIAS.

Dicas

Abastecimento durante o percurso
Apenas na aldeia de Troviscais.

Avisos Importantes

Apadrinhei esta etapa

Joke e Peter - Portugal Nature Lodge

Padrinhos desde 2014

« Apaixonámo-nos pelos Troviscais, pela natureza espetacular ao redor e pelo modo de vida tradicional aqui, numa das nossas viagens em 2008. Viemos da parte mais populosa da Holanda e a tranquilidade aqui foi como um oásis para nós. Decidimos ficar aqui e nunca mais saímos. O percurso circular da Rota Vicentina fica no nosso quintal e adoramos que os nossos hóspedes vivam esta, ainda um pouco desconhecida, parte do Alentejo Litoral. A maioria das pessoas vem pelo litoral e pelas praias, este percurso mostra que há muito mais para ver aqui. »

Comece a escrever e carregue em Enter para procurar

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!